Grande Vitória tem deflação de -0,30% em novembro de 2018

Os dados divulgados pela Pesquisa do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) do IBGE mostram que a Região Metropolitana da Grande Vitória (RMGV) apresentou deflação de -0,30% no mês de novembro. Foi a menor taxa para este mês desde 2014, ano que o IBGE iniciou a pesquisa na região.  

No entanto, no acumulado em 12 meses, a inflação na RMGV acumula alta de 4,60%, a segunda maior entre as 16 regiões pesquisadas. Nesta base de comparação, os preços administrados (8,78%) tiveram um peso significativo na composição do índice, inclusive acima da média nacional (7,16%).

    Os produtos e serviços que compõem o IPCA podem ser divididos entre os que têm preços livres, ou seja, que variam de acordo com o mercado, e os que tem preços administrados, que são os preços regulados por contrato ou por órgão público.

As maiores variações, no acumulado em 12 meses, vieram do gás veicular (36,78%), da gasolina (18,23%) e da energia elétrica residencial (14,24%).